Outro dia estava ouvindo um certo “especialista” fazendo mea-culpa, falava sobre os equívocos da grande mídia. Bom vamos lembrar, teve a eleição de Donald Trump, quem acompanhou a grande mídia percebeu o tamanho barulho que faziam sobre a vitória certa de Hillary Clinton, o resultado foi a vitória de Trump, contavam como certo que o Brexit, isto é, a saída do Reino Unido da União Europeia não passaria pelo referendo, resultado foi o sucesso estrondoso com mais de um milhão de votos favoráveis, depois esta mesma mídia numa voz uníssona deu como certo que seria convocado um novo referendo, o que não aconteceu, em seguida torceram contra a Primeira Ministra Theresa May esta, fraca caiu, entrou o Primeiro Ministro Conservador Boris Johnson, a mídia continuava dizendo que ele não conseguiria apoio do Parlamento, convocou eleições o resultado foi a humilhante vitória dos Conservadores em cima dos Trabalhistas, sendo a vitória mais expressiva dos Conservadores em 30 anos, para coroar a derrota da mídia corrupta é aprovação da saída do Reino Unido da União Europeia dia 31 de janeiro/20.

            A vitória de Jair Bolsonaro é intragável até hoje, se fizermos uma retrospectiva notaremos que toda, digo toda a mídia dava como certo a sua derrota, os institutos de pesquisas davam como clara a tendência de fracasso do candidato Jair Bolsonaro, primeiro diziam que ele não iria para o segundo turno, depois diziam que ele perderia para todos os candidatos concorrentes, o resultado foi a mais expressiva derrota de todo esse conglomerado midiático, que até hoje não se conformou, afirmam que o Presidente Jair Bolsonaro irá sofrer o impeachment, que não terminará o mandato, afirmam que é o pior Presidente da República de todos os tempos, enquanto isso o Brasil tem a menor taxa de juros de todos os tempos, inflação a baixo da meta, o menor risco Brasil, as Estatais lucram, as grandes obras tem celeridade, os índices de criminalidades caem,  e o mais importante de 2019, pasmem, não tivemos nenhuma denúncia de corrupção no Governo, o Brasil pela primeira vez tem um “Dream Timesão Ministros extremamente preparados, basta acompanhar o trabalho deles que perceberá a capacidade de gestão de cada um, mas nada disso interessa, pois o Presidente é um inimigo a ser abatido.

            Portanto digo sem exageros, a grande mídia, especialistas e institutos de pesquisas não ERRAM, o que eles fazem é TENDENCIAR, simplesmente tentam forçosamente MANIPULAR A OPINIÃO PÚBLICA para conseguir emplacar os seus representantes tendo mais poder e dinheiro para suas corporações, mantendo assim esse sistema republicano perverso de corruptos. É o modelo de democracia que esse pessoal se acostumou, mas a sorte nossa que existe a INTERNET, por enquanto! E não sei até quando, mas até lá teremos voz, o mais simples cidadão poderá dar sua opinião e ser ouvido e terá uma infinidade de fontes para formar suas próprias convicções.